9 Táticas de Sobrevivência para o Seu Negócio

Garantir a sobrevivência do negócio é a meta nº 1 de todo empreendedor. No digital, não seria diferente.

Olhar o negócio de forma diferenciada. A questão não está na sobrevivência em si. Como assim?! Você trabalhar para que possamos evitar chegar a uma situação em que a sobrevivência seja uma preocupação.

Negócios Digitais exigem cuidado dobrado. Exatamente porque lidamos com muitas questões que são intangíveis. Num negócio físico, ele está ali: espaço fisico, aluguel, funcionários, recursos materiais…  No negócio digital, muito deste negócio está na nuvem e nem sempre é visível.

Ao trazermos Por que 80% das micro e pequenas empresas desaparecem no 1º ano, ficamos presentes  para a importância de cuidarmos de nossos negócios nestes meses iniciais. E não apenas nesses momentos de criação, de estruturação, de garantia de sustentabilidade e de escalabilidade.

O que faz a diferença é o olhar permanente, contínuo. E isso começa com a construção de uma ESCADA DE VALOR. Um cliente que teve uma experiência significativa retorna para consumir outros produtos ou serviços do seu portfólio. E você precisa estar preparado.

Apresento para você 9 Táticas de Sobrevivência para o seu Negócio. Aplique-as em caráter preventivo… E verá que estar comprometido com a gestão dos processos dentro do seu negócio faz toda a diferença.

1 – Planejar

Taí! Este é o ponto de partida. Antes mesmo de dar o primeiro passo rumo à concretização de seu empreendimento, faça seu planejamento. Planeje os aspectos básicos. Desenhe o Modelo de negócios. Fazer as coisas de qualquer jeito ou agir somente por meio dos impulsos empreendedores, acabará fazendo com que não chegue nem ao final do 1º ano.

Você precisa estabelecer objetivos e metas. Verificar os recursos que você tem disponível. E em quais você precisará investir. Eu posso garantir que não há sobrevivência sem planejamento. Não se começa com um plano definitivo, começa-se por um Modelo de Negócios, um Plano de Ação, uma análise do contexto e um levantamento de recursos. À medida que as ações forem executadas, você complexifica seu Plano de negócios e traça um planejamento estratégico.

2 – Conheça seu mercado

Aliás seu planejamento usará esta sua pesquisa inicial e o levantamento de hipóteses que você irá fazer. Isso mesmo! No mercado digital, trabalhamos com segmentos pequenos, nichos específicos. Buscamos resolver problemas específicos de uma demanda não atendida pelo mercado como um todo.

Então identifique e mapeie seu nicho, se ele for amplo, você pode determinar o sub-nicho que irá atender. Depois faça a caracterização do público-alvo. Nada de ficar preso somente em dados demográficos e situacionais. Você precisa traçar um perfil deste público-alvo e personificar. Exato! Fazer o estudo do seu Avatar, ou a persona, como achar melhor chamá-lo.

Perfeito! Como isso você elimina o 2º maior fator de fracasso das empresas. Para planejar, dimensionar e posicionar sua empresa, você precisa conhecer o mercado, identificar seu nicho, segmentar seu público, identificar suas dores, desejos, expectativas, necessidades….

3 – Cuide do dinheiro

“Dai a César o que é de César!” Já escutou esta frase em algum lugar? Pois este deve ser seu lema. O que for da empresa fica na empresa e o que for seu mantenha no seu bolso.

Você sabe quanto custa manter o seu negócio? Você sabe quanto precisa vender para que você o mantenha? E quanto precisa investir para passar para o próximo nível?

Tudo bem que você não tenha todas as respostas na ponta da língua. O objetivo é que você tenha o foco em obtê-las. E se você misturar seu dinheiro com o da empresa, tudo isso acaba muito nebuloso.

Bem…tem mais uma coisa. Acho melhor te avisar antes. Não há como ter um negócio sem gastar absolutamente NADA! Você precisa ter algum recurso financeiro para investir e manter a empresa durante os primeiros meses. E precisará de estar sempre reinvestindo um percentual do que entrar na empresa.

4 – Não caia na rotina

Quando desenhos o negócio, parece tudo mágico e transformador…. até que passam-se os dias e a rotina se estabelece. Igual casamento, se você deixa de cuidar do cotidiano e dos detalhes do dia a dia… nada sobrevive ao passar dos meses.

Não pense que estou fazendo drama. Ao contrário, falo porque também já tropecei neste detalhe que acabou por se tornar uma muralha no negócio. Você precisa conhecer o seu negócio, saber os seus processos, conhecer as pessoas com quem trabalha e com as quais precisará trabalhar…

O seu foco está nas entrelinhas, nos detalhes, nas pequenas pedrinhas que não damos importâncias e que podem nos derrubar lá na frente.  Vou ficar tranquila porque se você planejou (tática 1) e se você está acompanhando as mudanças do mercado e do perfil do seu avatar (tática 2), está atento para não se enganar com as rotinas.

Existem rotinas…. que são chatas mesmo, mas que precisam ser cuidadas, exatamente porque são repetitivas e necessárias. E tem aquelas que estão em movimento, precisam ser adaptadas, atualizadas, modificadas e melhoradas a cada nova rodada do negócio.

Por mais que você delegue e que sua empresa possa funcionar sem você por perto, você é a chave do negócio. Para isso conheça e acompanhe o dia a dia para que seus negócios possam prosperar. Afinal você sabe o que é importante para a empresa, para seus clientes, para as pessoas que estão com você.

Fique Atualizado!

Insira o seu nome e email abaixo para receber gratuitamente nossos conteúdos exclusivos!

5- Comunicação é tudo

Objetiva, clara, sintética e direcionada. Usar um fluxo de processos. Construir uma estrutura para que tudo fique registrado. Manter clareza nas solicitações e nas informações. Será que esqueci de algum ponto?

Sim!!!! Hoje nos aproximamos muito das pessoas. Geramos envolvimento e criamos relacionamentos. Fato! Clientes, colaboradores, parceiros, sócios…. todas as pessoas envolvidas acabam por se tornarem uma grande família ou um grande grupo de amigos para toda a vida… #SQN

Pois é… a informalização das comunicações pode gerar ambiguidades, duplos sentidos e por vezes muitos mal entendidos. Por isso a necessidade de fluxos e processos e de se ter uma estrutura de comunicação que funcione, para que as pessoas saibam o que precisam fazer, quando precisa ser feito, e o impacto que tem se nada disso estiver de acordo com o combinado.

E, posso ser sincera com você? Coloque tudo num contrato… tenha contrato de prestação de serviço, contrato de consultoria, contrato de mentoria,…. Não feche só acordos de boca. Porque se algo não funcionar, certamente alguém será prejudicado na história e não fique espantado se for você.

6- Seja o seu diferencial

O que te destaca em relação à concorrência? Qual o seu diferencial em relação ao produto e serviço que oferece aos seus clientes? Por que as pessoas vão escolher você e não outra pessoa ou empresa que ofereça serviço/produto igual ou semelhante?

Se você ainda não sabe esta resposta, melhor nem começar antes de encontrá-la. É o seu diferencial que te impulsionará para dentro do mercado. Ele te dará o destaque inicial para arregaçar as mangas e colocar seu time em campo. Só que hoje o mercado é cruel…. e existem muitos que estão aí apenas para copiar os outros….

Não se deixe levar por aquilo que te diferencia. Se você deixar de buscar estratégias para melhorar e inovar sempre, acabará ficando para trás. Prender-se à zona de conforto, ou ao que funcionou um dia é fatal para qualquer empreendimento.

Você precisa estar pronto para atualizar-se, descobrir um novo diferencial, fazer mudanças quantas forem necessárias. Seu objetivo é a excelência no atendimento ao seu cliente ideal. Copiar, repetir, ou estagnar-se num modelo que dá mostras de desgaste oferece a você poucas chances de sucesso.

E lembre-se que existem inúmeros caminhos que podem te levar aos mesmos resultados. Seja persistente, nada de ser teimoso! Inove, esteja à frente, disposto a trazer novos diferenciais que encantem, envolvam e conectem com o seu cliente ideal.

7- Desenvolva o Mindset Empreendedor

Incorpore o espírito empreendedor. Você já parou para pensar se você tem espírito empreendedor? Se você possui um mindset flexível e que esteja aberto às características essenciais do empreendedorismo?

O empreendedor é o visionário, sonhador, inovador…. É aquele que está a quilômetros de distância, construindo o caminho para alcançar sua meta. Não mede esforços, busca informações, desenvolve estratégias, identifica lacunas, antecipa. É ele que faz com que o negócio dê saltos.

O empreendedor corre riscos e assume suas consequências, erra e aprende com seus erros. Reinventa-se e tem sempre algumas cartas na manga. Não se dá por vencido, porque se não existe alternativa vê nesta situação uma oportunidade.

Então é hora de você ver o que falta para que tenha desenvolvidas as principais características empreendedoras. Porque vou te contar um segredo! O técnico e operacional só sabe fazer o que existe para ser feito. E o gestor não vai correr os riscos que muitas vezes são imprescindíveis para se sair de um ponto a outro. Sabe como é… Pular de um precipício e construir um avião durante a queda e sair voando.

Está preparado?! Então hora de colocar a máquina para girar.

8 – Construa uma Escada de Valor

Você certamente está construindo um negócio pensando em expandir, escalar…. onde o céu é apenas uma fronteira para o infinito e além! Não se iluda! Para chegar aí precisará investir muito do seu tempo, da sua expertise, da sua dedicação, persistência, foco para alçar voos altos.

A Escada de Valor é o que te dá segurança de que seu negócio tem possibilidade de expansão dentro do seu nicho. Se você não consegue ver diversificação na sua entrega, seja produtos em preços variados, ou em que atendam a consumidores em estágios diferenciados de compra, pode parar por aqui. A chance de você se tornar “cantor de um sucesso único” é enorme. E seu negócio certamente não irá se sustentar em apenas uma oferta.

Trabalhamos no digital com nicho, com atendimento a necessidades específicas, com demandas reprimidas ou não atendidas e antes de começar precisamos prever o que nosso movimento vai gerar… quais as outras possibilidades e oportunidades que este nicho nos oferece.

Sem escada de valor, você não consegue viabilizar a escalabilidade do seu negócio. Então ao montar seu Modelo de Negócios, pense lá na frente…. 2, 5, 10 anos adiante…. onde você pretende estar com seu negócio? O tamanho e a diversidade da sua escada de valor poderá ser a sua resposta.

9 – Faça Parcerias

Quais as suas maiores habilidades? O que te falta? Não sabemos tudo, é fato! Então em que você mais precisa de ajuda. Quais são os seus gargalos e que podem impactar no desenvolvimento do seu negócio.

Não é simples, nem fácil encontrar parceiros. Alinhar parcerias, em especial as parcerias estratégicas, pode colocar a prova toda a sua blindagem. Sério! Uma parceria pode ser seu céu e seu inferno, tudo ao mesmo tempo, junto e misturado.

As parcerias devem complementar, desafogar, fazer com que tenha outras visões e encontre diferencial! Descubram afinidades. Estabeleçam uma relação de ganha-ganha.

Pois é, eu até poderia fazer tudo sozinha. Mas será que teria chegado onde cheguei? Duvido. É na parceria que você descobre como se superar, como ir além dos seus limites.

———–

Está esperando o quê? Bora colocar em prática estas táticas antes mesmo de começar para que tenha chances dobradas, ou triplicadas de ver seu negócio crescer e prosperar!

Lembra do Primeiro passo: PLANEJAR!

Clique aqui ou na imagem abaixo e confere como você faz isso para o seu Negócio Digital!segmentação de nicho e avatar

  • Leandro Ximenes

    Mais que perfeito, Alexandra.

    • Alexandra Caetano

      Leandro, Obrigada! Precisamos estar atentos ao nosso negócio antes de darmos nosso próximo passo. E muitas vezes estamos tão focados que deixamos escapar detalhes. Abraço!

  • Confesso que não tinha pensado nas parcerias, rs! Muito bom e parabéns pelo post.

    • Alexandra Caetano

      Henrique, Fica a Dica! As parcerias contribuem para nos trazer um olhar de fora do negócio. Nem sempre é fácil fazer boas parcerias. Vale deixar tudo às claras desde o início: divisão de tarefas, percentuais, responsabilidades. Assim todos saiam ganhando. Obrigada! Abraço.